Morte e vida na minha boca?

É costume, entre as pessoas, dar-se alguma importância às dietas .”Não ponhas sal na comida, faz mal a .”; “deves dosar a batata, o pão, as gorduras…”, etc.

Tanto cuidado há com o corpo! Bom será também darmos mais atenção à linguagem, ao que falamos.

A Bíblia diz que a nossa língua é semelhante ao leme de um navio. Com o leme o comandante conduz o barco para onde bem lhe apetecer. Do mesmo modo, nós podemos demarcar nossa rota na vida, usando a nossa língua direcionando-a para VIDA ou MORTE, consoante as palavras que usarmos.

A Bíblia também afirma que quer a MORTE quer a VIDA estão no poder da nossa língua. Por isso, não devemos culpar Deus pelos atos que nós próprios praticamos. Somos responsáveis pelas palavras que falamos.

Pv. 18:21 – A morte e a vida estão no poder da língua, e aquele que a ama comerá do seu fruto.

Existem pessoas, que não ligam ao que dizem, ao que falam e atribuem a Deus a culpa, de tudo de mau que lhes acontece:

– “Deus atira-nos problemas e doenças para aprendermos .”;

– “Essa doença é castigo de Deus .”.

Até muitos cristãos, dizem o mesmo:

– “Ó Deus, este desastre aconteceu na minha vida; porquê?”;

– “Ó Deus, porque é que este negócio falhou?”;

– “Ó Deus, porquê a mim? Porque é que eu, cristão, nascido de novo, batizado no Espírito Santo, que te ama, tenho um filho que deu em drogado?”;

– “Ó Deus. será que ainda me amas?”;

– “Porque é que as minhas finanças estão tão mal?”;

– “Porque é que não consigo arranjar emprego?”.

Muitos novos cristãos, embora sabendo que não é Deus mas sim o diabo que vem para matar, roubar e destruir, por vezes, também ficam perpelexos.

Sabem que Deus as ama e só lhes quer bem. Fecham as portas ao diabo, andando em amor e em união.

Mas, surge uma pergunta e, talvez, o estimado leitor já tenha feito a mesma interrogação: porque é que, às vezes, não andamos como queremos, porque é que este problema .nos surgiu?

Hoje, quero ensinar-lhe, pela Palavra de Deus, que nem tudo de mal que nos acontece é culpa do diabo. Muitas vezes, os culpados somos nós próprios! Jesus ensinou que você terá aquilo que diz com a sua boca.

Mc. 11:24 – Por isso vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis, e tê-lo-eis.

Tudo o que disser, acreditando que aquilo que diz vai acontecer, isso lhe vai acontecer. É uma lei espiritual. Não é invenção minha. Foi Jesus quem disse que esta lei funciona para toda a gente; quer faça parte do reino de Deus ou não.

As suas próprias palavras, podem afetar: a sua saúde, o seu casamento, os seus filhos, as suas finanças, etc.

As Palavras têm PODER. Isto é uma Lei Espiritual que funciona a seu favor, ou contra si, quer você acredite quer não. O faceto de você não conhecer a Lei, não significa que ela não seja real.

Uma das tácticas de Satanás é “inflamar” a sua mente com idéias negativas, com mentiras que não existem. Ele lança chamas de pensamentos à sua mente e esta fica como que inflamada. Para você acreditar, apenas, no que está a pensar. Se disser com a boca esses pensamentos, você está a pôr em funcionamento a Lei de Deus, a Lei da Criatividade. E porque acredita neles e fala-os (com a boca), você simplesmente começa a criar coisas más, porque deu ouvidos a esses pensamentos inflamados.

VEJA COMO DEUS CRIOU OS MUNDOS.

Em Gn. 1:3, lemos que Deus disse: “Haja luz”, e houve luz. Em Hb. 11:3, lemos que os mundos foram criados pela Palavra e que aquilo que se vê não foi criado do que é aparente.

Agora note: o homem foi criado à imagem e semelhança de Deus. Deus tem “poder criativo”, e esse poder está na Sua Palavra. Deus deu ao homem, esse mesmo Poder – nas nossas palavras. Com as minhas palavras eu posso destruir (matar) ou criar algo de bom. As nossas palavras são como sementes lançadas ao solo (Mc. 4:26).

Se eu semear erva daninha não vou colher cenouras. Se eu falar morte e destruição para a minha vida (semeando erva daninha) é isso que vou colher. Claro que não posso colher coisa boa. Mas, se com as minhas palavras eu semear coisas boas, então colherei coisas boas para a minha vida.

De acordo com o texto que já referi de Pv. 18:21, podemos ver que a Morte e a Vida estão no poder da língua. No Poder de quê? De Armas? De Política? De Médicos?

Você deve fazer a sua opção: se escolher falar Palavras de Morte terá Maldições; se escolher falar Palavras de Vida, de acordo com a Palavra de Deus, você terá Bênçãos.

Tg. 3:4 – Vede, também, as naus que, sendo tão grandes, e levadas de impetuosos ventos, se viram com um bem pequeno leme, para onde quiser a vontade daquele que o governa.

Um barco grande, pode ser sujeito a grandes tempestades e ventanias, mas, como vimos, o capitão guia o barco, para onde tiver VONTADE. E o barco grande é guiado com um instrumento bem pequeno – o leme. O Vento pode soprar bem forte, tentando empurrá-lo para a direita, mas se a vontade do capitão é ir para a esquerda ele vira o leme para a esquerda e vai. A sua língua é o Leme do Barco da sua vida. Os problemas, tempestades da vida podem tentar levá-lo para doenças, problemas familiares, problemas financeiros mas o seu leme -a língua- pode virar a sua vida para bênçãos de saúde, prosperidade, etc. O que você falar é o que vai colher.

PRESTE ATENÇÃO AO QUE VOCÊ FALA !

Fale de doenças e tê-las-á em abundância…, Fale de fracassos e…, Fale de medo e…

Diga “eu não posso…” e cada vez poderá menos .Diga “eu não consigo…” e cada vez consegirá menos. Diga “estamos em crise…” e cada vez estará mais em crise. Diga “não sei como o vencimento vai chegar…” e não vai mesmo chegar. Diga aos seus filhos “és um teimoso, um burro, não prestas para nada…” e é isso que eles vão ser. Diga “toda a gente é aumentada no final do ano, exceto eu”, e verá que é isso que vai acontecer.

Bom, agora, decerto, você está a perceber muita coisa; o porquê de lhe acontecer isso mesmo que lhe aconteceu. Não foi Deus! Não foi o diabo! Foi você que as falou, que as semeou.

EXEMPLOS DE CONVERSAÇÃO NEGATIVA

1º) ACONTECIMENTO RELATADO POR UM PASTOR AMERICANO

Um certo Pastor do Texas, teve um ataque de coração, entrou em coma e todos oravam diariamente por ele. Os médicos pediram que parassem de orar, porque o homem assim não ia morrer, mas mesmo que vivesse ia ficar com o cérebro afetadíssimo por ter paralisado mais de 10 minutos. Continuaram a orar, o Pastor recuperou totalmente e passado pouco tempo continuou a pregar.

Um dia, passado já bastante tempo, este pastor trocou umas palavras, enquanto pregava. Sabe o que a mulher disse logo?: “Vais ter que parar de pregar. Tu nunca mais ficaste bom. Vais morrer um dia destes”.

Então um outro Pastor amigo tentou explicar à senhora o Poder das Palavras mas ela não ligou grande coisa.

Um ano mais tarde, lá estava ela a dizer ao marido: “Vais morrer. Tens de parar de pregar. Os médicos bem diziam”.

A senhora estava a semear Morte para o marido. Pouco depois o marido Morreu (conforme ela previa a toda a hora).

Mas, sabe o pior? A senhora ficou com raiva de Deus pelo marido ter morrido. Deixou de ir à Igreja, e pelo mau exemplo dela, os filhos nunca vieram a servir Jesus.

2º) ALGUÉM NO TRABALHO

Um colega de escritório tinha o costume de falar de roubos de rádio em carros: “Isto nunca se sabe, hoje em dia tudo pode acontecer. Eles andam por toda a parte, eu posso ser a próxima vítima”.

Passadas duas ou três semanas ele apareceu todo aborrecido: “Roubaram-me o rádio do carro!”

3º) EXEMPLO DE UM AGRICULTOR

Um irmão agricultor plantou algodão, mas dizia: “Eu já sei, com a minha má sorte, vai chover tanto que isto não vai dar”.

Sabe o que lhe aconteceu? Isso mesmo que ele disse. E assim, perdeu a sementeira de algodão. Claro que ele ficou ainda mais azedo, e na época seguinte tornou a plantar, mas, dizendo: “Agora já, sei, desta vez nem sequer vai chover”.

Sabe o que lhe aconteceu? Isso mesmo que ele disse. Não choveu e ele perdeu outra vez a sementeira. Quantos mais problemas ele tinha, pior ele falava. O irmão C.C. decidiu plantar pela 3ª vez o algodão. Mas desta vez ele dizia: “Eu já sei, desta vez vai haver uma tal geada que me vai queimar tudo”.

Sabe o que lhe aconteceu? Isso mesmo que ele disse. Veio uma tal geada que lhe queimou tudo. No meio de tão grande adversidades, ele estava confuso. Durante muitos anos, aquele terreno e as suas técnicas tinham-lhe proporcionado muitas e boas ceifas de Algodão.

Porque é que agora não funcionava? Por causa das suas Palavras Negativas.

4º) ESPOSAS NEGATIVAS

Mulher: “O meu marido quando éramos noivos, era todo simpático, delicodoce e tratava-me bem. Agora já nem gosta de mim. Só se quer usar de mim. Se calhar tem outra”.

Marido: “Ó mulher, não digas isso, eu gosto de ti. Não tenho nada outra .”

Mulher: “Isso é o que tu dizes. Eu bem vejo. Isto qualquer dia vai terminar mal, deixas-me com os filhos nas mãos e sem dinheiro.”

Depois termina mesmo mal e ela chora: “Ó Deus, porque deixaste isto acontecer-me? Que mal fiz eu a alguém?”

Em Mc. 4:26-29 lemos que o Reino de Deus é semelhante a um homem que lança semente à terra (..e a semente brota e cresce, não sabendo ele como. Porque a terra por si mesma frutifica…, assim as nossas palavras são sementes que frutificam consoante a sua espécie.

SOLUÇÃO: CONFESSE A PALAVRA DE DEUS

Confessar não significa apenas “declarar” os seus pecados. CONFESSAR é “DECLARAR” com a boca o que se acredita no coração. Podemos confessar (declarar) a nossa fé nas promessas de Deus ou nas idéias dos homens. Também poderemos dizer que Confessar a Palavra é FALAR A PALAVRA DE DEUS com a sua Boca.

Josué 1:8 – Não se aparte da sua Boca, as Palavras de Deus. Só então você será próspero na vida

NÃO FALE MORTE, FALE VIDA. A PALAVRA DE DEUS É VIDA. PORTANTO, CRIE SUA VIDA COM A PALAVRA DE DEUS.

Não se deixe guiar pelos noticiários negativos, que só lhe dizem: “Está tudo mal. Está tudo em crise. Isto vai acabar mal .”

Guie-se antes por Deus. Leia o que Deus diz, e fale antes isso, e verá a sua vida modificar-se. Diga sempre o mesmo que Deus diz em relação à sua vida, à sua saúde, às suas forças, à sua família, às suas finanças, etc.

USE A SUA BOCA E SEMEIE A PALAVRA DE DEUS NA SUA VIDA

PARA SUAS FINANÇAS

– Sou Próspero, sou Rico

– Jesus foi feito Pobre para que eu fosse Rico

– Tenho sempre Todas as minhas necessidades supridas por Deus

– As Bênçãos andam atrás de mim e me estão a alcançar.

PROMESSA (Fp. 4:19) – O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus.

CONFISSÃO – Obrigado Pai, porque as minhas necessidades já estão supridas em Cristo Jesus.

PROMESSA (Dt. 28:1-3) – E será que, se ouvires a voz do Senhor teu Deus, tendo cuidado de guardar todos os seus mandamentos que eu te ordeno hoje, o Senhor teu Deus te exaltará sobre todas as nações da terra. E todas estas bênçãos virão sobre ti e te alcançarão, quando ouvires a voz do Senhor teu Deus. Bendito serás tu na cidade, e bendito serás no campo.

CONFISSÃO – Obrigado Pai, porque estou ouvindo a Tua voz e guardando os Teus mandamentos. Obrigado, porque Tu me estás exaltando sobre a terra. Obrigado Pai, porque todas as bênçãos me estão alcançando. Estou sendo bendito em todo o lugar onde estiver ou onde eu for.

(OUTRAS PROMESSAS DE DEUS PARA A SUA ABUNDÂNCIA MATERIAL E FINANCEIRA: II Co. 9:6,7,10; Ml. 3:10; Pv. 3:9,10; Lc. 6:38; II Co. 8:9; Dt. 28:7,8,12,13

PARA SI MESMO

– Sou filho de Deus, – Sou Salvo, – Sou Guiado pelo Espírito de Deus, – Sou Mais Que Vencedor

– Tudo Posso, Tudo Consigo

PROMESSA (Sl 91:10,11,16) – Nenhum mal te sucederá, nem praga alguma chegará à tua tenda. Porque, aos seus anjos dará ordem a teu respeito, para te guardarem em todos os teus caminhos. Dar-lhe-ei abundância de dias, e lhe mostrarei a minha salvação.

CONFISSÃO – Obrigado Pai, porque nenhum mal me sucederá, pois tu estás dando ordem aos teus anjos para me guardarem em todos os meus caminhos. Obrigado Pai, porque estás a dar-me abundância de dias.

PARA SUA SAÚDE

– Pelas pisaduras de Jesus ESTOU sempre curado

– Viverei Longos Dias (Salmo 91)

– Tenho e Terei Sempre Saúde porque nenhum mal me acontecerá

PROMESSA (Is 53:4, 5) – Verdadeiramente, ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si .e pelas suas pisaduras fomos sarados.

CONFISSÃO – Eu não ando pelo que eu vejo, pelo que os relatórios médicos dizem, ou mesmo pelo que eu sinto. Eu digo que eu estou como a Bíblia diz que eu estou. Eu estou sarado pelas pisaduras de Jesus.

O QUE FAZER COM AS PALAVRAS NEGATIVAS?

Se, inadvertidamente, proferiu palavras negativas acerca de si, sua família, finanças, etc., o que fazer?

Pegue num bloco de notas e numa caneta, e tome nota das frases negativas que você costuma dizer (semear).

Em primeiro lugar arrependa-se delas diante de Deus.

A seguir anule-as em Nome de Jesus dizendo: “Eu quebro o poder dessas palavras negativas no Nome de Jesus.”

Se, por descuido, tornar proferi-las? Arranque-as, quebrando o seu poder, outra vez. É o mesmo que arrancar ervas daninhas do meio do jardim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
27 ⁄ 9 =