Category Archives: João Calvino

Biografia

A Verdadeira Oração Exige Arrependimento

I. Com esta regra se fecha completamente a porta, à hipocrisia e a todas as astúcias e sofismas que os homens inventam para mentir a Deus. Promete o Senhor que estará próximo de todos os que O invocarem sinceramente (ou em verdade), e diz que o acharão àqueles que de coração O buscarem. (Sal. 145:18 Jo 9:31).

Sola Scriptura

Para que Alguém Possa Chegar a Deus, O Criador É Necessário Que Tenha A Escritura Por Guia e Mestra.

Abraão, Justificado pela Fé

Porque, se Abraão foi justificado por obras, tem de que se gloriar, mas não em relação a Deus. Pois, que diz a Escritura? Abraão creu em Deus, e isso lhe foi imputado por justiça (Romanos 4:2-3).

Gálatas 6:14-18

“Mas longe de mim gloriar-me senão na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pelo qual o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo. Pois em Cristo nem a circuncisão nem a incircuncisão é coisa alguma, mas o ser nova criatura. E a todos quantos andarem conforme esta regra, paz e misericórdia sejam sobre eles e sobre o Israel de Deus. Quanto ao mais, que ninguém me perturbe; porque trago em meu corpo as marcas do Senhor Jesus. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja, irmãos, com o vosso espírito. Amém.”

Efésios 1:1-4

Paulo, apóstolo de Jesus Cristo, pela vontade de Deus, a todos os santos que vivem em Éfeso, e fiéis em Cristo Jesus: Graça a vós outros e paz da parte de Deus nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo. Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que nos tem abençoado com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo; bem como nos elegeu nele antes da criação do mundo, para que fôssemos santos e sem culpa diante dele em amor.

Comentário Sobre I Timóteo 1:1-4

I Timóteo 1:1-4 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus segundo o mandato de Deus, nosso Salvador, e do Cristo Jesus, esperança nossa, a Timóteo, meu verdadeiro filho na fé: graça, misericórdia e paz da parte de Deus o Pai, e de Cristo Jesus nosso Senhor. Como te exortei a permaneceres em Éfeso, quando de viagem para Macedônia, que ordenasses a certos homens a não ensinarem uma doutrina diferente, tampouco se ocupassem de fábulas e genealogias intermináveis, que mais produzem questionamentos do que a edificação de Deus, que consiste na fé; assim o faço agora.

A Santa Ceia do Senhor e os benefícios conferidos por ela

1. Porque Cristo instituiu a Ceia

Deus, depois de nos ter recebido em Sua família, não para servir-se de nós como criados, e sim para ter-nos no número de Seus filhos, a fim de conduzir-nos como um bom pai de família, que se preocupa com seus filhos e descendentes, e pensa no modo de sustentar-nos durante toda nossa vida. E não contente com isto, nos quis dar a segurança de Sua perpétua liberalidade para conosco, dando-nos um presente. Para este fim instituiu por meio de Seu Unigênito Filho outro sacramento; a saber; um banquete espiritual, no qual Cristo assegura que é o pão da vida (João 6:51) com o qual nossas almas são mantidas e sustentadas pela bem aventurada imortalidade.

Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada

Notas:  Um comentário do Salmo 32:1-2

“Bem-aventurado aquele cuja transgressão é perdoada, e cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não imputa maldade, e em cujo espírito não há engano.” (Sl. 32:1-2).

Novas Revelações do Espírito

Os fanáticos, pondo de lado a Santa Escritura, passam por cima da revelação e subvertem todos os princípios da piedade.

error: Conteúdo protegido.